segunda-feira, setembro 13, 2010

Sobre o vazio.

Hoje acordei com o vazio mais presente.
Um vazio enorme, gigante, sem fim.
Um vazio na alma e na essência.

Hoje faz 10 meses que minha mãe se foi desse planeta e pra mim parece que não se passou um dia sequer, tamanha é a presença dela em minha vida. A baixinha mais gigante que eu conheci na vida.

Hoje me sinto ainda mais pequena. Tentando crescer na marra sem tua presença. Tentando ser mulher, mãe, amiga. Tentando existir, simplesmente. Ah mãe, tô tão perdida sem você.

Sinto falta de tudo, do colo, dos carinhos, do café no meio da tarde, do bolinho de chuva, da banana frita com farofa, da sopa de feijão. Sinto falta das broncas e da doçura com que você cuidava de mim, dos meus amigos, do meu filho. De você me falando: "Juízo, filha." toda vez que eu saía de casa. E de você me ligar querendo saber onde eu estava e se eu ía demorar. Sinto falta de poder ligar pra casa e você atender. De ouvir tua voz. Você foi o melhor exemplo que eu poderia ter na vida.

Sinto tanta falta de você, mãezinha. Queria ter mais uma chance de dizer o quanto eu te amo e o quanto você foi, e ainda é, o meu exemplo e a minha segurança na vida. Você não tem ideia do tanto que está fazendo falta em minha vida, nesse momento.

Naquele 13 de Novembro eu consegui forças pra cantar pra você essa música, que um dia você achou linda. E hoje eu a coloco novamente aqui, pra te homenagear mais uma vez.




Te amo, eternamente.

6 comentários:

Ronise Vilela disse...

Meu luto agora está numa fase colorida, mas as lágrimas ainda veretm quando penso nela...
Bjs e fique bem!

Gelson disse...

Esse vazio é meu tambem,éla foi minha segunda mãe e sempre vou sentir sua falta.
Mas resta o consolo de saber que meu filho herdou esse, Tudo de Bom, que éla tinha,através de tí,que continua sendo esse, Tudo Bom prá nos dois e ,como éla dizia: Para toda a humanidade.

Vai uma farofinha de banana aí!?

Mamma Mini disse...

Poxa Pilar, to com os olhos mareados... sinto muito pela sua dor e pela saudade infinita da sua mãe, depois que nos tornamos mães a gente sente o que é esta relação uterina né?
Espero que fique bem, e tenho certeza que o ser luz da sua mãe está bem e iluminando, e quanto melhor vc estiver no seu caminho da vida, melhor ela também estará onde quer que esteja acompanhando vcs.
força e um beijo!

Alessandra Pilar disse...

Oi Ronise, obrigada pelo carinho.
bjos

XX, eu sei o quanto ela foi importante em sua vida e agradeço tudo o que vc fez por ela nesses 13 anos. Obrigada mesmo. bjo

Oi Fe, obrigada pelo carinho. Eu sei que ela está melhor agora e isso me conforta. Mas a saudade é tão imensa que às vezes aperta o peito. E eu só consigo elaborar o luto escrevendo e tirando isso de dentro de mim. Muito obrigada pelo carinho. bjo grande.

Fernanda Diniz disse...

Olá, sou a Fernanda do Grupo EC, uma empresa de marketing digital localizada em São Paulo.

Estamos em busca de novos parceiros e olhando seu site, verifiquei que ele tem potencial, por isso temos uma proposta de parceria IMPERDIVEL para seu site.

Caso ficou interessado entre em contato URGENTE das 9 às 17:30 pelos canais abaixo:

Tel: (11) 3207-6000 ramal direto 204

E-mail/MSN: fernanda.diniz@grupoec.com.br

Elisa disse...

Querida amiga, resolvi dar uma passada por aqui hj e me deparo com palavras e sentimentos tão emocionantes... posso imaginar esse vazio... eu tentei me colocar em seu lugar (não é uma tarefa tão dificil, pois não sei se lembra, tenho somente minha querida mãe ao meu lado tb), e o vazio é imenso, um vazio que dói a alma... enfim, quero que sinta nesse momento meu abraço com muito carinho e afeto... Admiro muito vc, e como bem disse seu bem e sua mamis: vc é tudo de bom pra nós tb ;)
Beijo enorme

Related Posts with Thumbnails