sexta-feira, maio 29, 2009

.Serenata.

"(...)
Beibe, às vezes eu queria esquecer
Que eu te quero cada vez mais
Mas sei que eu não sou capaz
Beibe, se você só vai dizer não
Eu não vou ficar, nem pedir pra voltar
Voltar pro mesmo refrão

Eu choro lágrimas de pó
Eu vejo tudo se perder
Quando eu me lembro que estou só
Então se tudo vira pó
Se vem de si, de mi, de dó
Não interessa se eu sou só eu
Beibe eu só queria um beijo seu
Só eu, somente meu."

Xanda Lemos - Banda Criaturas.


.É isso.

.Dia ruim.

Sabe aqueles dias que você deveria ficar na cama?
Pois é, ontem tive um dia desses. Ou daqueles!
Tudo pode dar errado, e dá.
E deu.

Do início ao fim do dia.
Tudo errado.
. É isso .

quinta-feira, maio 14, 2009

.Maria Joana.

Ela sempre tem uma visão certeira das coisas (hehe):








Clara Gomes

.É isso.

.Mãe.

Sabe aquela velha história de que a gente só sabe o que é ser mãe quando tem um filho? Eu achava isso uma história pra boi dormir. Uma maneira de nossos pais nos levarem no bico para o que eles querem que a gente faça. E até ano passado acreditava nisso, mas digo uma coisa pra vocês: é a mais pura verdade. Não tem como descrever o amor que eu sinto pelo meu filho, é algo além da vida, e cresce assustadoramente a cada dia que passa. A gente realmente só sabe o tamanho desse sentimento quando passamos por ele.

Semana passada foi totalmente corrida, que nem deu tempo de deixar um post aqui em homenagem ao Dia das Mães.

Esse ano foi meu primeiro Dia das Mães na escola do meu filho, preciso dizer que eu adorei?? Não né. Foi um dia delicioso, com muitas atividades feitas para as mamães curtirem junto de seus filhotes. E foi também uma oportunidade para nós, mamães, nos conhecermos. Afinal nossos bebês são coleguinhas e a gente quase nunca tem oportunidade de conviver com outros pais. Foi muito legal. A escola preparou um dia muito especial para nós e eu fui feliz da vida comemorar o meu dia junto do Francisco. Fizemos uma aula de artes, aula de música e shantala (massagem indiana para bebês). E no final ganhei uma linda almofada, desenhada por ele. Foi uma delícia.

E, sim, eu fiquei totalmente boba com todo o meu dia. E curti cada segundo, como toda mãe coruja e babona.

(olha a cara de mãe babona que eu tava... hehe)

Agora eu respeito mais ainda minha mãe por tudo o que ela foi pra mim. E agradeço por tudo o que ela fez por mim. Eu não sei se teria a mesma coragem de encarar o desafio de ser pai e mãe, de uma hora pra outra. Minha mãe foi uma guerreira e ainda é hoje em dia, com tudo o que ela passa e mantendo sempre o bom humor e a alegria de viver. Que bom que meu filho tem a oportunidade de crescer ao lado dessa mulher incrível.


Feliz Dia das Mães, mãezinha.
Feliz Dia das Mães a todas as mães.

.É isso.

domingo, maio 10, 2009

.Todo sentimento - Chico Buarque.

Porque eu amo Chico Buarque?
Tire suas próprias conclusões com a letra a seguir:

Todo Sentimento

"Preciso não dormir
Até se consumar
O tempo da gente.
Preciso conduzir
Um tempo de te amar,
Te amando devagar e urgentemente.
Pretendo descobrir
No último momento
Um tempo que refaz o que desfez,
Que recolhe todo sentimento
E bota no corpo uma outra vez.
Prometo te querer
Até o amor cair Doente, doente...
Prefiro, então, partir
A tempo de poder
A gente se desvencilhar da gente.
Depois de te perder,
Te encontro, com certeza,
Talvez num tempo da delicadeza,
Onde não diremos nada;
Nada aconteceu.
Apenas seguirei
Como encantado ao lado teu".

Entendeu agora?


.É isso.

sábado, maio 09, 2009

.Skoob.

Você leu certo, mas não se preocupe que eu não vou falar sobre o scooby doo e a sua turma. Vou falar sobre um site de relacionamento que eu conheci hoje, e que já está entre meus preferidos. E a razão principal disso é que o Skoob é um site para apaixonados por livros!

Preciso dizer que adorei? Não né.
O site funciona mais ou menos como o orkut ou qualquer outro desses sites de relacionamento, mas o diferencial é que você se cadastra e troca figurinhas sobre os livros que leu, vai ler, ou que abandonou. Achei fantástica a ideia, já que quase sempre temos dúvidas sobre o livro que estamos com vontade de ler.

Eu já cansei de ficar com o dito na mão na livraria sem saber o que fazer. E em algumas vezes me arrepender da compra. Agora, meus problemas acabaram (perdão pelo trocadilho, foi irresistível), basta fazer uma busca no Skoob para ter as impressões de outros leitores, resenhas, notas, estrelas e outras classificações sobre o livro em questão.

Achei muito boa a iniciativa e já estou lá cadastrada. Se você se cadastrar, me adiciona: Pilar.
E vamos trocar impressões sobre os mais diversos livros que li ou que pretendo ler. Ainda não tive tempo para procurar todos os meus livros preferidos (são muitos), mas com o tempo vou atualizando meu perfil e já escrevo minhas resenhas sobre os meus preferidos.

Que tal compartilhar livros?
.É isso.

terça-feira, maio 05, 2009

.Frio.



Finalmente ele deu o ar da graça, tá chegando de mansinho. Sorrateiro. Maravilhoso.

Traz com ele as delícias que só essa estação proporciona:
- cobertor + filme + colo aconchegante
- vinho + pão + queijo = risadas e festa com os amigos
- fome, muita fome;
- chocolate quente
- roupas gostosas + touca + cachecol
- sol + frio

Já deu pra perceber que eu gosto do inverno, né?
Acho a estação mais elegante do ano: quando a gente tá sempre bem vestido, bem alimentado. Quando é gostoso encontrar os amigos para um jantarzinho regado a um bom vinho perto do fogo.
Eu acho o inverno a estação mais gostosa do ano.
Gosto de sentir o ar gelado no rosto, com o corpo muito bem agasalhado, diga-se de passagem.
Já andava com saudades desse tempo gostoso.

Pode vir.
.é isso.

domingo, maio 03, 2009

.ESTÔMAGO.


Semana passada finalmente consegui assistir o premiadíssimo filme "Estômago". Eu já tinha ouvido falar muito bem do filme, mas sinceramente tenho uma certa relutância por filmes brasileiros pois os últimos que vi foram totalmente decepcionantes, com atuações comuns e roteiros pouco criativos. Além, é claro da escolha do elenco ser totalmente "global", o que deixa o filme com cara de novela das oito.

Eu sei que é um pouco de preconceito, que tem um monte de coisa boa rolando por aí, mas o fato é que as histórias que conseguem chegar nos grandes centros e ter um pouco de visibilidade são dessas grandes produtoras, e daí fica difícil fugir desse cenário.

Mas, mesmo assim (e talvez por estar em cartaz no HBO e pelo fato de não ter que sair de casa pra assistir), me animei em assisti-lo. E que grata surpresa o filme me proporcionou.

Estômago é de uma genialidade que foge do lugar comum, com atuações brilhantes de todos os atores do elenco, até nas mínimas participações. O roteiro é muito bem escrito, divertido, tenso e consegue te prender na história a todo momento.

Estômago conta a história do paraibano Raimundo Nonato (João Miguel, ator baiano), emigrante em Curitiba. Ele é cozinheiro do boteco do Zulmiro (personagem do nosso querido amigo, ator curitibano Zeca Cenovicz). Trabalhando no boteco ele conhece a prostituta Íria (interpretada pela talentosa Fabiúla Nascimento, atriz curitibana maravilhosa), que se apaixona pela coxinha do cozinheiro, e ele por ela.

Com atuações maravilhosas de atores pouco conhecidos, inclusive uma participação do roqueiro titã Paulo Miklos, na pele do bandido Etcetera. E uma bem humorada participação do nosso amigo Pedro Moreira, fazendo um barman muito interessante.

O filme não segue uma cronologia, é um vai e vem sem fim, você fica até o minuto final tentando entender se é futuro ou passado, e isso é genial. A história toda é envolvida pela cozinha, seja do boteco, do restaurante italiano ou da prisão. Onde nosso personagem principal aprende, ensina e cozinha.

E como está na sinopse do filme no site:
"Na vida há os que devoram e os que são devorados. Raimundo Nonato, nosso protagonista, descobre um caminho à parte: ele cozinha."

E não conto mais pra não estragar a surpresa.
Veja o filme, vale muito a pena.

.É isso.

.Feriado é dia de TV.

Feriado à vista e eu fiquei feliz da vida com a possibilidade de me enfiar debaixo das cobertas (tá friozinho em Curitiba) e assistir televisão. Mas minha felicidade durou o tempo de zapear com o controle e perceber que a programação estava uma senhora bosta. Parece que todos os canais combinaram de repetir a programação. Que meleca.

Hoje eu estava feliz de poder assistir tv com calma, aproveitando a programação, vendo muito filme, documentário e uns programas de variedades de quebra. Estava, porque os canais parece que se combinaram para passar um monte de bosta o dia todo. Foi um tal de filmes de segunda categoria, com documentários péssimos e programas repetidos. Por que será que isso acontece? Ou será que a programação da tv está realmente repetitiva e eu é que não tenho mais tempo para ver tv.

O fato é que até no Discovery Kids eles tiveram coragem de repetir um seriado do Barney, o Chico já tinha visto e perdeu o interesse. hehehe. E daí foi um tal da mãe aqui inventar brincadeira pra distrair o pequeno. No fim do dia eu estava exausta com tanta musiquinha que cantei.

É, não se fazem mais feriados como antigamente.
Melhor trabalhar que eu ganho mais, literalmente.

.É isso.
Related Posts with Thumbnails